junta de freguesia da
glória do ribatejo
e granho
unidos para
o servir melhor!
atendimento
Sr. Presidente
Glória do Ribatejo
Todos os dias - por marcação prévia
Granho
Todos os dias - por marcação prévia
Reuniões de Executivo
Glória do Ribatejo
Na 1ª Segunda-feira de cada mês às 21h
Granho
Na 3ª Segunda-feira de cada mês às 21h
newsletter
Receba no seu email todas as informações úteis desta união.
Li a informação sobre a proteção de dados e aceito o processamento e uso dos meus dados pessoais para os fins mencionados.
dê a sua opinião
Preencha o formulário e envie-nos a sua opinião >

colectividades etnográficas

Coletividades

 

glória do ribatejo

ADPEC - Assoc. para a Defesa do Património Etnográfico e Cultural de Glória do Ribatejo
Esta associação nasceu de uma iniciativa de vontade colectiva em perpétuar, preservar e a salvaguardar a identidade e memória colectiva da história e a etnografia gloriana. O espólio museológico da ADPEC cresce diariamente para benefício de todos.

ver site >
 
ARFCP - Associação Rancho Folclórico da Casa do Povo de Glória do Ribatejo
Tendo feito uma primeira apresentação, em 1956, na Feira do Ribatejo, em Santarém, nasceria pela mão de Celestino Graça, o Rancho Folclórico da Glória. Dessa origem espontânea até à sua constituição formal, foi um pequeno passo, tendo vindo a ser integrado na Casa do Povo, em 1962, e adotado, a partir daí, a nomenclatura por que hoje é conhecido.
ver site >
 
Rancho Folclórico "As Janeiras"
É um grupo de características impares no contexto do panorama Português. Reparem nas danças, nos trajes, na música e no cancioneiro desta secular Glória do Ribatejo, vila da charneca Ribatejana, fundada pelo Rei D. Pedro I em 17 de Fevereiro de 1364.
saiba +

 

granho

Rancho Folclórico do Granho
Estávamos em pleno ano 1962 (ano da fundação do rancho) quando, após marchas populares, Felício Pedro e Ricardo Silva decidiram formar o Rancho Folclórico do Granho. A ideia era continuar com o convivio e a alegria vividos nesses dois festejos. Como forma de simbolizar a alegria e o ambiente de festa vivido, vestiu-se nas raparigas o seu traje mais rico, que normalmente era usado em dias de festa ou em ocasiões especiais. Em relação aos rapazes, optou-se por lhes vestir o fato de gala do campino da Casa Cadaval. Dança-se tradicionalmente o "Verde-gaio Valseado","Granho ao Entardecer", "Granho em Festa", "Fandango", "Fadinho Batido", "Fado do Campo", "Vira da Alice"," Vira Boeiro" e "Passe Quatre".

saiba +

 

notícias
VI dia aberto à comunidade - CBS Glória do Ribatejo
Sustentabilidade do Setor Solidário - Recursos e novas respostas
saber mais >
Abertura de inscrições ao Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas
Este programa de voluntariado é destinado a jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos inclusive. Consulta aqui as condições de participação...
saber mais >
Formação Obrigatória APF, COTS e outros
Formações disponíveis de Maio a Julho em produtos fitofarmacêuticos, tratores, máquinas de corte, empilhadores, primeiros socorros, etc...
saber mais >
agenda d’eventos
25
Mai
VI dia aberto à comunidade - CBES Glória do Ribatejo
saiba +
inquérito
Como classifica o atendimento da união de juntas de freguesia da Glória e Granho?
Muito Bom
Bom
Podia ser melhor
Mau
União Juntas de Freguesia da Glória do Ribatejo e Granho © Todos os direitos reservados | Política de Privacidade Site by omsite.com